Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Página inicial -> Serviço de Comunicação Social -> Notícias -> I Seminário de Tilapicultura na região do Mato Grande
Início do conteúdo da página

I Seminário de Tilapicultura na região do Mato Grande

Publicado: Quarta, 13 de Julho de 2005, 07h25 | Modificado por: | Última atualização em Quarta, 13 de Julho de 2005, 07h25 | Acessos: 1196

imagem principal Para discutir a viabilidade da implantação de um pólo de
produção de tilápia em áreas de assentamentos e
comunidades rurais da região de Ceará-Mirim, a
Secretaria Especial de Aquicultura e Pesca - SEAP, em
parceria com a Agência Regional de comercialização do
Mato Grande - ARCO e a Prefeitura Municipal de
Ceará-Mirim/RN promoveu o I Seminário de Tilapicultura
do Mato Grande. O evento que ocorreu nos dias 5 e 6 de
julho,reuniu pescadores,assistentes técnicos,empresários,
aqüicultores, produtores rurais, assentados, e
instituições públicas e privadas.

O Departamento Nacional de Obras Contra as Secas-DNOCS/RN,
foi representado pelo seu coordenador estadual Marcílio
Lucena. Em sua fala o coordenador ressaltou a importância
e o pioneirismo do DNOCS na pesquisa e produção de
alevinos no Nordeste, destacando a Estação de Piscicultura
Estevão de Oliveira em Caicó/RN, campeã. Em 2004, obteve
uma produção superior a 6 milhões de alevinos,distribuídos
em reservatórios públicos e comunitários, tanto no estado
do Rio Grande do Norte quanto na Paraíba. Na ocasião, ele
convidou os potenciais produtores presentes para
juntamente com os órgãos públicos envolvidos na atividade,
estreitarem as parcerias e assumirem a responsabilidade da
continuidade dos projetos implantados.

Além do Coordenador, representaram o órgão, a chefe da
Estação de Piscicultura Estevão de Oliveira, Fátima Macedo
e o chefe de aquicultura Antônio Marcos Nascimento que
ministrou uma palestra sobre Parques Aqüícolas, onde
destacou a importância da tilápia em tanques-rede, espécie
que apresenta melhor adaptação nesse tipo de cultivo.

A programação ainda contou com exposições de painéis:
a Perspectiva da Tilapicultura no Rio Grande do Norte; a
Sustentabilidade e viabilidade da Tilapicultura no Rio
Grande do Norte; Integração, Mercado e Financiamentos.
Também foi realizada visita de campo as instalações do
frigorífero Mister Fish, criatório e alevinagem da Fazenda
Santa Bárbara.

Fim do conteúdo da página